16. Legume de Ouro

  O que são os legumes e como um deles, a alfarroba, está ligada aos quilates de ouro.
   Há um vegetal abundante nos países mediterrânicos (e de que Portugal é, há muito, o 3.º maior produtor mundial: a Alfarroba (Ceratonia siliqua), usada como medida para o ouro em tempos antigos e presente ainda hoje na linguagem)!
   De  acordo com a FAO, das alfarrobas produzidas por ano, os maiores produtores são Espanha (40 mil), Itália (30 mil e 841) e Portugal (23 mil).
Alfarroba
   Não é o vegetal que mais profundamente está ligado a Portugal (essa glória pertence à laranja, como visto no artigo Portugal cor de laranja, que leva o nome nacional a uma variedade de línguas internacionais). Mas é um legume a que geralmente não se associa essa designação. Os legumes são os frutos de plantas com vagens (a família Fabaceae). Assim, as favas (de onde vem o nome da família) são legumes mas as batatas não; as ervilhas são legumes mas as cenouras não; o feijão é um legume mas o tomate não; o amendoim (!) é um legume mas a couve não.
   A Alfarroba, usada como substituto de chocolate devido à cor negra dos seus grãos amadurecidos, é outro membro da ilustre família dos Legumes (é a terceira família mais moedaextensa em número de espécies de plantas terrestres). A ligação deste humilde legume ao ouro começou com a ideia (errada mas é assim que crescem as línguas humanas e as suas culturas) de que as sementes de Alfarroba tinham sempre o mesmo peso (aproximadamente 0,2 gramas). Como tal, eram usadas como medidas de peso «confiáveis» para pesar o ouro (o célebre episódio de Arquimedes e a Coroa do Rei Minos, faz recordar a importância da correta pesagem do ouro). As moedas romanas Solidus, feitas de ouro puro, pesavam «exatamente» 24 sementes de Alfarroba (ou 4,5 gramas).
   Um solidus (Latim para “sólido”; Grego: νόμισμα, “nómisma”, literalmente “dinheiro”, ou bezante (que são os pontos brancos na bandeira de Portugal a que geralmente se chama “chagas de Cristo”) correspondia a uns impressionantes 275 mil denários, para quem recorda das aventuras de Astérix.
 

Como é usual na evolução das línguas, o termo grego para «feijão/alfarroba» era keration – κεράτιον (da palavra κέρας – kéras «corno», devido à forma das vagens da maioria dos legumes). Esta palavra grega ter-se-á tornado em «qirât» em árabe, o que deu origem à palavra portuguesa quilate, termo ainda usado para classificar a qualidade do ouro: alguma liga metálica em que 100% do metal é ouro tem «24 quilates» (ou 24 sementes de Diamantealfarrobas…) No ouro, um quilate é uma indicação da percentagem de ouro numa liga metálica. Em pedras preciosas, como o diamante, um quilate representa uma massa igual a duzentos miligramas. Esta unidade de massa foi adotada em 1907 na Quarta Conferência Geral de Pesos e Medidas.

   Em termos nutricionais, 100 gramas de alfarrobas têm 231 calorias, bem acima de 100 gramas de bolachas Maria, como visto no artigo Maria: bolacha Real    tabela_alfarroba

Um pensamento em “16. Legume de Ouro

  1. I wanted to post you that tiny remark to say thanks a lot over again just for the nice secrets you have featured in this case. It was really seriously open-handed with you to grant publicly just what many individuals might have offered for an ebook to generate some dough for themselves, mostly now that you might have tried it in case you desired. These secrets as well served to be a good way to fully grasp that other people online have the identical fervor much like my personal own to know the truth more regarding this matter. I am sure there are numerous more pleasant periods in the future for many who read your site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *